Quieto, inteligente e apaixonado pelo Palmeiras: Edelgir deixa o mundo, aos 62 anos

0

Edelgir Rub Pesce era um homem quieto, pensativo e observador. Ao mesmo tempo, prestativo e esforçado. Um grande batalhador, podemos dizer. Até porque, durante o último ano, enfrentou uma série de cirurgias para reverter a ileostomia que fez em 2016. Na última delas, há pouco mais de uma semana, não resistiu. Deixou, aos 62 anos, a esposa Sonia Luchi Pesce e os filhos Patrícia, Edelgir Junior e Melissa.

Extremamente inteligente, Edelgir tinha informações sobre compras e supermercados, onde comprar cada produto. Também ajudava todo mundo, até quem não conhecia. E amava sua família, mesmo os parentes mais distantes, que fazia questão de manter contato.

Edelgir com a esposa Sonia

Mas, uma de suas maiores paixões era o Palmeiras. Sempre que podia, ia aos jogos do verdão. Quando não podia, estava ligado à televisão. O caixão, na hora do enterro, ganhou uma bandeira do time querido, paixão que passou ao filho, Edelgir Junior.

Edelgir foi velado em Londrina e em Campinas, onde foi enterrado. A missa de 7º dia será nesta quinta-feira (4), na Paróquia Imaculada Conceição (R. Belo Horizonte, entre Tupi e Pio XII), a partir das 18h30.

Da esquerda para a direita: Edelgir Junior, Sonia, Edelgir, Melissa e Patrícia

Deixe uma resposta